segunda-feira, 22 de abril de 2013

Simbiose (crust/metal/punk)

Pagina oficial:https://www.facebook.com/SimbioseCrustBand

<91>: || Maio de 1991 nasce o primeiro esboço dos Simbiose com o Panças na bateria, o Alvarenga no
baixo e o Libelinha na guitarra. As vocalizações ficaram um pouco tempo depois a cargo de Mosgo. No entanto, no início a banda surge com o nome HAMBURGUER PÚTRIDO. Um pouco mais tarde entra para a banda o Sapo que passa a ocupar o lugar de guitarrista e a banda volta a mudar de nome para BETTY BUBBA. Uns meses depois, nova alteração, sai o Panças e entra o Tiagão para a bateria. Novas alterações surgem, o Libelinha abandona a banda e o Tiagão cede o seu lugar ao Mané.
<92>: || Em 1992 entra para a banda o Cláudio como segundo vocalista. Após tantas mudanças de line-up na banda surge o nome SIMBIOSE para assim permanecer até aos dias de hoje.
<93>:|| Abril de 1993 começam os concertos e pouco tempo depois sai o Sapo e entra o Metralha para a guitarra, e sai o Mané e entra o Luis para a bateria. No final deste ano os Simbiose gravam a sua primeira demo, intitulada Até Quando?.
<94>:|| Em 1994 surge o segundo registo da banda, que sai em formato split tape, partilhada com os espanhóis Ö.B.N.I..
<95>:|| Neste ano sai para a rua mais um registo dos Simbiose, desta vez em formato de vinil 7, homonimamente intitulado Simbiose.
<96>:|| No ano de 1996 os Simbiose tiveram algumas participações em compilações no formato K7 e em duas compilações no formato vinil 7 (WEEKEND AU PORTUGAL e COMPILAÇÃO VAREJO).
<97>:|| Em meados de 1997 o Cláudio abandona a banda e já no final deste mesmo ano entra o Jorge para segundo guitarrista. Também no baixo houve alterações, o Alvarenga deixa o seu lugar nos Simbiose para ser ocupado pelo Paulo. Assim por esta altura surge mais um registo de Simbiose em formato split tape, partilhado com os portugueses LUV DA XIT.
<01>:|| O novo milénio bateu à porta dos Simbiose com muita e novas mudanças e novidades. É lançado um split vinil 10 com os portugueses CROUSTIBAT, e pouco tempo depois o Jorge abandona o barco. Ainda neste ano entra para a banda o Johnny para se ocupar das vocalizações a par com o Mosgo.
<02>:|| Em 2002 o Hugo completou o line-up actual da banda, ocupando-se da segunda guitarra. Este é também o ano de saída do tão esperado album de estreia, em formato cd, intitulado Naked Mental Violence e de um split vinil 7, partilhado com a banda de barcelona DISFACE.
<03>:|| Este é o ano de mais um lançamento, desta vez um split cd, partilhado com a banda brasileira TAIKO.
<04>:|| O ano que marca o novo lançamento de originais dos Simbiose. Bounded In Adversity é o nome do segundo album da banda. A banda vê também lançado em cd uma compilação com várias outras bandas, entre elas os Simbiose com a faixa Zoo (não) lógico, sendo este um lançamento de apoio à Rádio Bronka (Barcelona). Foi também lançado pela editora independente portuguesa Some Farwest Noize, uma antiga gravação de Simbiose onde estão todas as canções do primeiro álbum se Simbiose mais uma faixa bónus. O lançamento tem como título Quando o crust era sujo e agressivo, e para espanto é um lançamento que não teve o aval da própria banda!
<05>:|| É lançado o Cd de Tributo à mítica banda norte-americana THE MISFITS, pela editora portuguesa Raging Planet, com o nome Portuguese Nightmare - A Tribute To The Misfits. Os Simbiose são convidados a participarem, e gravam uma cover da banda para o mesmo.
<06>:|| Em 2006, os Simbiose fazem uma mini-tour com a banda sueca DRILLER KILLER, e aproveitam para gravar um Split com os mesmos, dando dois temas a cada uma das bandas. Neste mesmo ano, devido a problemas pessoais, o baixista Paulo abandona os Simbiose, tendo sido substituido pelo baixista Samuel.
<07>:|| No início deste ano é lançado o Split com os Driller Killer, saindo em Cd, 7, e 7 transparente, numa edição especial. Pouco tempo depois o baixista Samuel e o guitarrista Hugo saem da banda, tendo entrado para ocupar as duas vagas em aberto, o guitarrista Paulo e o baixista Dr. Bifes.

Economical Terrorism 2012



Sem comentários:

Publicar um comentário