domingo, 20 de outubro de 2013

Ghosts of Port Royal

Pagina oficial:https://www.facebook.com/GhostsofPortRoyal
Ghosts of Port Royal começaram a ganhar forma em 2007, no resultado de algumas intensas jam sessions. No mesmo ano partem para vários concertos como banda de abertura para grupos locais e cabeças de cartaz como V8 Wankers, Lords of Altamont e The Jim Jones Revue. Já no final de 2008 o baterista inicial Helder Polónio (Hospital Psiquiátrico, Here B Dragons) retira-se, dando lugar a João Filipe.
Em 2009, G.P.Royal lançam um EP homonímo de três faixas que deu arranque para performances ao vivo como banda de estrada entre Barcelona, Vitoria Gasteiz e duas tournées consecutivas na República da Irlanda (2009-10). No Mesmo período a banda chega a incluir o baterista Joey Gomes (The Scars, Filthy Human) exclusivamente para a tour Irlandesa de 2009, e mais tarde em 2010 Luis Pacheco (Cabeças de Gado, The Prostitutes) como teclista durante uma experiência de um ano.
No início de 2011 G.P.Royal mantêm uma presença forte e enraizada nos palcos regressando à formação base de 4 elementos e durante o Verão recolheram-se para uma semana de gravações na tentativa de capturar a energia do seu set ao vivo. O resultado final foi Casa Viva Sessions.
Em 2012 revisitam a República Irlanda com a adesão de Miguel Azevedo ( Plus Ultra, Mosh ) como baterista e terminam as misturas para o primeiro LP, a sair em finais de 2013

Sem comentários:

Publicar um comentário