quarta-feira, 8 de maio de 2013

Loopooloo

Pagina oficial:https://www.facebook.com/loopoolooband
Em 1994 Loopooloo foram os Mother’s Scream. Praticavam o típico “som das Caldas”, dominado pelas
guitarras e por uma base rítmica segura, com o qual encheram palcos importantes da altura como o Johnny Guitar, Dreamer’s Club ou o mítico festival Cais do Rock, na Póvoa de Varzim.
Como Tom’s Goblin, pouco tempo depois, apuram a carga sónica inerente, e as canções surgem intercaladas pelas vozes de Gonçalo Catarino e de Rui Filipe. No entanto, a entrada na sala de ensaios de alguns teclados analógicos foi predominante para uma evolução sonora. Juntam-se Nuno David e Carlos Ceia e, os atuais Loopooloo, passam a dedicar-se a uma sonoridade atmosférica liderada pela música instrumental. Pelo meio compõem música para teatro e para publicidade, trabalham de perto com as artes plásticas e com o design e marcam presença no disco Movimentos Perpétuos – Música para Carlos Paredes.No inicio de 2013 surge a entrada de Nádia  como vocalista, a banda está mais activa e promete-se  novidades para breve.

2013

Sem comentários:

Publicar um comentário